Renault Logan, Sandero e Stepway têm novo visual (e preços mais altos)

A Renault aproveitou a reestilização de Logan, Sandero e Stepway para rebatizar as versões dos modelos – além de lançar a inédita configuração topo de linha chamada Iconic.

Para começar, o hatch está R$ 1.000 mais caro na opção de entrada Life (que agora substitui a Authentique). Na ponta oposta, o esportivo RS passou de R$ 65.390 a R$ 69.690.

Dianteira do aventureiro é igual à do modelo vendido no mercado russo (Divulgação/Renault)

Além da versão mais em conta, houve outras mudanças de nomes: a intermediária Expression se tornou Zen, enquanto a Dynamique agora é Intense – como acontece com Captur e Kwid.

Aplique sobre a tampa tem luzes funcionais de led (Divulgação/Renault)

Só vale lembrar que equipamentos importantes, como airbags laterais, apoio de cabeça e cinto de três pontos para os cinco ocupantes agora vêm de série em todas as configurações.

Sandero tem mesma dianteira do sedã Logan (Divulgação/Renault)

Também há novo volante (igual àquele já utilizado por Sandero e Logan na Europa desde 2016) e chave canivete desde a Life. Já a central multimídia só é oferecida a partir da Zen.

Suspensão elevada entrega as configurações CVT (Divulgação/Renault)

Essa versão intermediária também recebeu revestimento nas portas e, quando equipada com câmbio CVT, tem rodas aro 16, controle de estabilidade e auxilio de partida em rampa.

Faróis e para-choques são novos (Divulgação/Renault)

Por fim, a Intense tem ar-condicionado automático (que segue com o acionamento manual), rodas de liga leve diamantadas e controle de cruzeiro com limitador de velocidade.

Novo volante é a principal mudança da cabine, que agora está mais escura (Fernando Pires/Quatro Rodas)

Mas o que a Iconic soma à lista de itens? Só ela tem bancos de couro, sensor de chuva e acendimento automático dos faróis. Já as opções GT Line e Avantage foram aposentadas.

Fonte: Quatro Rodas